Wednesday, February 21, 2018

7 tendências tech que impactarão negócios em 2018

Dizem que o ano só começa mesmo depois do Carnaval. Aproveitando que a época de festas já passou e que a semana começou a todo vapor, reunimos as principais tendências tecnológicas que poderão impactar os negócios em 2018.
Se você pretende abrir uma empresa neste primeiro semestre ou implantar tecnologias que auxiliem no desenvolvimento e na inovação de seu negócio, fique de olho nessas dicas.
O portal Computerworld listou as tendências tech que poderão ditar o futuro do mundo corporativo neste ano e, neste artigo, nós reunimos as 7 mais importantes. Confira:

1 – Chatbot

Acreditamos que o chatbot já não é mais tão tendência assim. Ele já faz parte do cotidiano de muitas empresas, dos mais diversos segmentos. Em 2018 essa funcionalidade se destacará ainda mais. O Instituto Gartner, por exemplo, prevê que até 2020 uma pessoa conversará muito mais com um bot do que com seu próprio cônjuge.
Para este ano, é possível que os chatbots se tornem mais sofisticados e reduzam e facilitem atividades rotineiras de atendimento, melhorando a experiência do cliente na web. Portanto, fique de olho e pesquise mais sobre o assunto!

2 – Internet das Coisas (IoT)

A Internet das Coisas é outra tecnologia que tem evoluído e, em 2018, não será diferente. Um relatório realizado pela The Computing Technology Industry Association  CompTIA – apontou que os dispositivos IoT estão auxiliando na redução de custos e na melhora da eficiência em alguns ambientes industriais.
Porém, tamanha tecnologia precisa de cuidado. A Internet das Coisas pode apresentar ameaças para a segurança e, com isso, será preciso intensificar a proteção de dados importantes. De toda a forma, não podemos negar que essa é uma tendência importante e que pode sim, contribuir com as empresas já em 2018.

3 – Controle de voz e assistentes virtuais

Se você tem usado o Cortana, a SiriAlexa e o Google Home, por exemplo, saiba que essa tecnologia será ainda mais utilizada em 2018. Dentro das empresas, é esperado que esses assistentes consigam melhorar a produtividade dos funcionários e auxiliar no equilíbrio entre vida pessoal e profissional ao ponto de que, no futuro – talvez um pouco mais distante -, eles não precisem usar mais teclas e teclados de computador.
Difícil de imaginar uma realidade como essa? Hum… Pense em Jarvis, o assistente pessoal do personagem Homem de Ferro. Sim, quando se trata de assistente virtual, o futuro pode ser bem nesse estilo. ;)

4 – Conteúdo em vídeo

O vídeo continua em alta, tão em alta que já não consideramos mais uma tendência. Se você não está investindo nessa tecnologia, melhor começar o quanto antes ou ficará para trás.
MIT realizou uma pesquisa com aproximadamente 300 empresas para determinar o que proporciona uma ótima experiência aos funcionários e o item mais votado foi o vídeo. Essa tecnologia levou empresas à inovação e auxiliou na produtividade e na colaboração dos funcionários. Segundo Kristine Dery, cientista de pesquisa do Sloan Center for Information Systems Research do MIT, organizações que investem em tecnologias de vídeo interativo, expandem o uso de metodologia ágil para além das equipes de desenvolvimento de software.

5 – Experiências imersivas

Como já falamos de vídeos, nada mais justo do que falarmos também de Realidade AumentadaRealidade Virtual Realidade Mista, já que essas tecnologias também podem contribuir para que o conteúdo audiovisual seja mais atrativo.
De acordo com o Gartner, em 2019 a RARV e a Realidade Mista serão usadas por pelo menos 20% das grandes empresas. Além disso, o Instituto também prevê que a Realidade Aumentada superará o uso comercial da Realidade Virtual.
A tecnologia evoluirá de projetos-piloto com crescimento modesto para modelos de negócios sustentáveis, maturidade do mercado e disponibilidade global“.

6 – Inteligência artificial para serviços

Segundo o artigo da Computerworld, 2018 será um bom ano para o uso da Inteligência Artificial nas indústrias imobiliária e jurídica e, também, na hospitalidade. Hotéis estão investindo em chatbots para desenvolverem tecnologias capazes de ajudar os hóspedes com qualquer pedido, em tempo hábil.
Esses novos “concierges” poderão recomendar bons restaurantes, informar o clima da cidade e a Inteligência Artificial poderá auxiliar os desenvolvedores a criarem bots que atendam as preferências dos hóspedes e levá-los a interagir com o hotel em qualquer local a partir de seus dispositivos móveis.

7 – Ética digital

Com todas essas inovações tecnológicas, a preocupação com a ética digital também se faz uma tendência importante em 2018. As empresas estarão mais preocupadas com os desafios da ética, cultura corporativa e conformidade durante a transformação digital.